PENSO, LOGO EXISTO

Cogito

Será que René Descartes ao dizer “penso, logo existo” se referia à existência e não à Essência?

Como um ser que existe nós pensamos, mas quando ultrapassamos o pensamento entramos na nossa Essência nós somos.

Se ele dissesse: “Penso, logo eu sou” estaria errado.

PARA INTUIR:

Atos. 17.28

2 responses to this post.

  1. Posted by João Ricardo Pereira on 18/06/2015 at 21:10

    É bem isto minha amiga Iris. Temos que clarear o sentido das palavras, para que tenha seu verdadeiro significado. “Cogito ergo sun” as pessoas nem pensam elas “cogitam” e vai dai que …. Abraços Namasté.

    Responder

  2. É João, o pensar é importante, mas não é o último passo. Como diz Einstein: “Eu penso 99 vezes e nada consigo, deixo de pensar e a verdade me é revelada”.

    Responder

OBRIGADA A TODOS QUE VISITAM, LEEM E COMENTAM ESTE BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: