PESSACH

Sem título

  Hoje o judaísmo celebra Pessach.

De acordo com a tradição, a primeira celebração de Pessach ocorreu há 3.500 anos, quando de acordo com a Torá, YHWH (Deus) enviou as dez pragas do Egito sobre o povo egípcio. Antes da décima praga, o profeta Moisés foi instruído a pedir para que cada família hebreia sacrificasse um cordeiro e molhasse os umbrais (mezuzót) das portas com o sangue do cordeiro, para que não fossem acometidos pela morte de seus primogênitos.

Chegada a noite, os hebreus comeram a carne do cordeiro, acompanhada de pão ázimo e ervas amargas (como o rábano, por exemplo). À meia-noite, um anjo enviado por YHWH feriu de morte todos os primogênitos egípcios, desde os dos animais até mesmo os primogênitos da casa do Faraó. Então o Faraó, temendo a ira divina, aceitou liberar o povo de Israel para ir pelo deserto até a terra prometida. Deu-se o início do êxodo.

Como recordação dessa liberação, e do castigo de YHWH sobre o Faraó, foi instituído para todas as gerações o sacrifício de Pessach.

É importante notar que Pessach significa a passagem, porém a passagem do anjo da morte, e não a passagem dos hebreus pelo Mar Vermelho ou outra passagem qualquer, apesar do nome evocar vários simbolismos.

No calendário judaico, Pessach acontece na lua cheia. Pois foi na lua cheia que Moisés pôde realizar a magia da morte dos primogênitos. Praga que os magos do faraó não conseguiram neutralizar.

coelho

EXPLICAÇÃO PARA AS CRIANÇAS SOBRE A ORIGEM DO OVO DE PÁSCOA.

A Páscoa é a festa anual do cristianismo, celebrada em memória da ressurreição de Jesus Cristo. O sentido máximo da Páscoa tanto judaica como cristã é celebrar a libertação do homem.

E isso foi preservado através dos tempos por dois símbolos da fertilidade: o ovo e o coelho. O ovo aparentemente morto  contém uma vida que nasce depois de incubada.

O coelho é um animal muito fértil e procria com facilidade.

A ideia de representar o coelho como símbolo da Páscoa nasceu na Europa. Enquanto aqui no Brasil estamos nos dias de outono, na Europa, terminou o inverno rigoroso e deu início à Primavera. As árvores agora recuperam suas folhas e os animais saíram do esconderijo de suas tocas.

O primeiro que pula fora da toca é o coelho que renasce para formar sua nova família.

O ovo de Páscoa apareceu em 1928, com o desenvolvimento da indústria de chocolate.

Como vê, comemorar a Páscoa com o coelho e os ovos  é uma forma bonita, saborosa e alegre de dar graças à VIDA.

OBRIGADA A TODOS QUE VISITAM, LEEM E COMENTAM ESTE BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: