FILOSOFIA CÓSMICA DO EVANGELHO- EM PORTUGUÊS

          O capítulo 14 do Evangelho de São João é todo ele, uma proclamação de Filosofia Cósmica, ou seja, de puro Monismo Universal. Se eu e o Pai somos um; se o Pai está em mim, e eu estou no Pai; se o Pai está em todos os homens;  se as obras que fazemos não são nossas (dos nossos egos), mas do Pai; se nada podemos fazer por nós mesmos (pela força do ego), mas se o Pai em nós faz tudo que fazemos — que é isto senão proclamar a imanência de Deus em todos os homens? Declarar que existe uma Fonte única cujas águas derivam através de canais múltiplos?…

            Em face disto é deveras estranho que as teologias ocidentais, que se dizem cristãs, tenham construído sistemas analistas, quando é evidente o grandioso marasmo professado pelo Cristo. As nossas teologias herdaram o dualismo da sinagoga judaica, e não aceitam o monismo do Evangelho do Cristo. É estranho que a ideologia do judaísmo tenha contaminado as grandes religiões e filosofias do mundo ocidental, o Islã (com cerca de 250.000.000 de adeptos)* e o Cristianismo eclesiástico (com mais de 800.000.000). Até ao fim do terceiro século da era cristã predominava no seio do Cristianismo a filosofia monista dos neoplatônicos, com sede em Alexandria; a partir do quarto século prevaleceu o dualismo aristotélico, mais tarde codificado em teologia escolástica por Tomás de Aquino, e, finalmente, oficializado pelo Concilio de Trento, no século XVI. O que presidiu a essa grande mudança não foi a causa da verdade do Evangelho do Cristo, e sim a preocupação da unidade da igreja, que parecia impossível sem uma poderosa hierarquia eclesiástica. O conceito de hierarquia (autoridade ditatorial de cima e obediência incondicional de baixo) é incompatível com a filosofia monista; se Deus está imanente no homem, então a autoridade externa perde o melhor da sua autoridade. A hierarquia triunfante exigia, pois, a doutrina dualista de um Deus transcendente, ausente do homem e do mundo, para que a autoridade hierárquica pudesse fazer as vezes desse Deus ausente e exercer o seu decisivo impacto sobre a massa ignara dos obedientes incondicionais.

            Sucumbiu a causa da Verdade à política do Poder.

            A Verdade libertadora é do Eu divino — o Poder escravizante é do ego humano.

            As nossas teologias dualistas, interessadas no Poder, e não na Verdade, são feitas sob medida, para jardins de infância e escolas primárias de evolução espiritual — ao passo que o monismo universal do Evangelho é um ingresso na Universidade do Espírito do Cristo.

            É esta a razão por que as religiões profundamente monistas da Ásia, sobretudo da Índia, não aceitaram, nem jamais aceitarão em maior escala, o “nosso” cristianismo, ou pseudocristianismo. Também, por que tornar a soletrar o abe da escola elementar quando se está no curso universitário?

            O escol do Cristianismo genuíno está em vésperas de reatar o fio do monismo universal dos primeiros séculos, e assim abrir caminho para a reconciliação do ocidente com o oriente, através da harmonia espiritual do Evangelho do Cristo com a Bhagavad Gita de Krishna.

*Esta estatística não está atualizada, pois o livro foi escrito em 1966.

Do livro: “Roteiro Cósmico” – Huberto Rohden

One response to this post.

  1. Nota do tradutor: Recorde-se que o artigo acima foi escrito antes das mudanças radicais industrial e econômico que ocorre hoje, onde o capitalismo, materialismo, política ditatorial mudou os valores religiosos de nações asiáticas e seu subcontinente onde esses valores estão sendo substituídos pela corrida consumista. Flavio de Mello

    Responder

OBRIGADA A TODOS QUE VISITAM, LEEM E COMENTAM ESTE BLOG.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: